Nos últimos anos, o aumento pelos procedimentos não invasivos tem ganhado mais espaço no mercado.

De acordo com Censo realizado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) entre 2014 e 2016 houve um aumento de 390% na procura por procedimentos estéticos não cirúrgicos em todo o Brasil.

A procura por outras opções de tratamento, deve se ao fato:

  • Aumento de pessoais mais jovens pela procura de procedimentos preventivo e menos invasivo;
  • Redução de custos maiores com procedimentos estéticos;
  • Inviabilidade no processo de recuperação que muitos procedimentos cirúrgicos exigem;
  • Aversão por cirurgias e/ou procedimentos invasivos.

Meu nome é Priscila Nobre, sou fisioterapeuta dermato funcional, e técnica de treinamento na empresa Fismatek, hoje eu vim falar sobre uma tecnologia revolucionária no mercado da estética, que tem conquistado muitos clientes/ pacientes com indicações de cirurgia plástica.

Trata se do Herus® HIFU, ultrassom micro focado da Fismatek, que tem por objetivo, promove o lifting facial não invasivo, ou seja, sem o ato cirúrgico.

Premiado em 2019 na categoria: Melhor lançamento em equipamento facial no Estética Business Awards, é a única tecnologia capaz de atingir o SMAS (Sistema Músculo Aponeurótico Superficial), e promover a mesma retração tecidual existente nas cirurgias de lifting facial, porém através de pontos de coagulação térmica, ao invés da incisão do tecido propriamente dita. Já reconhecida nos EUA pela FDA e no Brasil pela Anvisa como lifting não cirúrgico.

De estrutura fina, esbranquiçada e rica em colágenos tipo I e III, o SMAS (Sistema Apo neurótico Superficial), é o grande responsável pela sustentação da pele.

Fica localizado logo abaixo do tecido adiposo e recobre toda a musculatura.

Assim como outras estruturas na pele, no decorrer do processo de envelhecimento, o SMAS também sofre alterações, perdendo sua capacidade de sustentação da pele.

Na cirurgia de lifting facial tradicional, temos a incisão do tecido até atingir o SMAS, onde é tracionado todas as camadas teciduais subjacentes, retirado o excesso de pele e fechado novamente com sutura do tecido.

Seu objetivo é através deste tracionamento promover o rejuvenescimento facial, com a redução das rugas profundas, melhora das linhas de expressão e contorno facial.

No Herus® HIFU temos a emissão de ondas ultrassônica formando pontos de coagulação térmica devido ao calor produzido em torno de 60°C nos tecidos.

Em uma aplicação full face temos em torno de 200 a 300 disparos, o que equivale a 10 a 15 mil pontos de coagulação.

Contamos com 3 transdutores com frequências de 4Mhz, 7 Mhz e 10 Mhz, atingindo as profundidades de 4,5 mm, 3,0 mm e 1,5 mm respectivamente e formando pontos de coagulação no SMAS, Derme Profunda e Derme Superficial.

Assim temos retração do tecido em todas as camadas da pele, o mesmo que ocorre na cirurgia de lifting facial.

A epiderme mantém- se preservada, pois a coagulação térmica irá acontecer apenas nos pontos específicos que foram citados.

Sendo assim é um tratamento que pode ser feito por qualquer foto tipo, em qualquer época do ano e qualquer horário do dia, ou seja, você poderá realizado e voltar normalmente a sua rotina diária, dowtime de recuperação.

Pode ser aplicado em pessoas mais jovens com o objetivo preventivo, devido o SMAS ser uma estrutura riquíssima em colágeno dos tipos I e III.

Os resultados são vistos com apenas uma sessão de tratamento, e já temos o 1° estudo cientifico realizado no Brasil com oHerus® HIFU comprovando seu mecanismo de ação e excelentes resultados.

O que destaca um bom profissional é o conhecimento que é construído através de treinamentos, workshops, vídeo aulas, especializações, prática clínica e, também, através de textos como esse. A Fismatek está com você nessa jornada para te ajudar a se tornar uma/um profissional ESTRELA.


Quer saber mais? Fale com um de nossos consultores Fismatek clicando aqui.


escrito por Priscila Nobre
• Fisioterapeuta Dermatofuncional

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>